Notícias

Fique por dentro do universo Sulwork

Hoftalon recebe novos equipamentos para cirurgias

15 de Maio, 2017

O diretor Presidente do Hospital de Olhos de Londrina (Hoftalon), Nobuaqui Hasegawa, esteve com o Cônsul Geral Adjunto do Japão, Hiroshi Teramichi. Eles assinaram um convênio para doação de equipamentos cirúrgicos e de diagnósticos. Os novos equipamentos vão adequar o Centro Cirúrgico para a demanda do Mutirão de Cirurgias Eletivas do Estado do Paraná, e manter tratamento humanizado e igualitário a todos os pacientes da instituição.

Foram doados três equipamentos para Cirurgias de Catarata e o acompanhamento de pacientes com Glaucoma, visando à atualização tecnológica, melhoria de processos, diminuição de filas de espera e, principalmente, manutenção do atendimento humanizado.

O projeto beneficiará a população das regionais de saúde atendidas pelo Hoftalon, ou seja, aproximadamente 1.861.648 habitantes das Regionais de Saúde que compõem a Macrorregião Norte do Estado do Paraná, onde é Centro de Referência para Urgências e Atendimento Oftalmológico.

Hoftalon recebe certificação máxima de atendimento e gestão

15 de Maio, 2017

O hospital Hoftalon – Centro de Pesquisas e Estudo da Visão – é o primeiro hospital de especialidades no sul do país a receber a acreditação nível 3 da Organização Nacional de Acreditação (ONA), uma acreditação específica para a área de saúde.

A ONA é a mais respeitada entidade não governamental e sem fins lucrativos que certifica a qualidade de serviços de saúde no Brasil, com foco na segurança do paciente. A metodologia é reconhecia pela ISQua (International Society for Quality in Health Care), associação parceira da OMS que conta com representantes de instituições acadêmicas e organização de saúde de mais de 100 países. O processo é de constantes avaliações e aprimoramento nos serviços de saúde, melhorando a qualidade da assistência.

São 3 níveis de acreditação, de 1 a 3. O nível 1 (um) para instituições que atendem aos critérios de segurança do paciente em todas as áreas de atividade, incluindo aspectos estruturais e assistenciais, já o 2 (dois) é o Acreditado Pleno, para instituições que atendem os critérios de segurança e apresentam gestão integrada, com processos em plena comunicação entre as atividades. O mais alto é o nível 3 (três) que é para os acreditados com excelência, sendo o princípio desta excelência na gestão. Neste nível, além de atender os dois primeiros níveis, a instituição já apresenta uma cultura da organização de melhoria contínua com maturidade institucional.

“Foram muitas mudanças desde dezembro de 2012, quando alcançamos a nossa primeira acreditação. Reformas, novos equipamentos, um sistema gestão contemporâneo, um RH focado no desenvolvimento organizacional, um modelo de governança e uma operação (hotelaria, nutrição, manutenção, agendamentos) que funciona como um relógio” – constata Rodrigo Hasegawa, superintendente executivo do Hoftalon.

O Hoftalon

O hospital é filantrópico e realiza hoje 150 mil atendimentos para aproximadamente 120 municípios da região de norte do Estado (88% para SUS). Por ano são 14 mil cirurgias, sendo 61% para o SUS. Toda a tecnologia é compartilha entre os atendimentos públicos, privados e conveniados. Não há distinção de qualidade, o que fez com que o Hoftalon seja hoje o único hospital brasileiro a ser membro da Associação Mundial de Hospital de Olhos.

Estreando na Hospitalar, Sulwork apresenta soluções completas de TI para toda a cadeia da saúde

15 de Maio, 2017

Visando o público interessado em melhorias e desenvolvimento de processos, utilização e aperfeiçoamentos em softwares e apoio na gestão em unidades de saúde, a Sulwork marca presença na 24ª edição da Hospitalar Feira+Fórum.
A empresa, que participa pela primeira vez do evento, é especializada na prestação de serviços direcionados a terceirização de TI e conta com profissionais atuantes nas áreas de suporte help desk, suporte a sistemas, suporte de DBA (banco de dados), desenvolvimento web, gerência de TI, apoio a gestão entre outras soluções.

 “Hoje em dia às instituições de saúde são constituídas por uma estrutura de TI composta por softwares, processos, gestores, todavia enfrentam dificuldades para atingir seus resultados de forma eficaz”, ressalta Wilton Junior, diretor da empresa.

“Diante desse cenário, a Sulwork entra no circuito como integrador das ferramentas que levam de forma fácil e ágil a todos os usuários e principalmente aos gestores, a possibilidade de enxergarem as reais necessidades de sua empresa e a resposta de seus recursos tecnológicos para o aumento de sua eficiência”, completa o diretor.


Visite o estande da Sulwork localizado na rua 13-162 no Pavilhão Verde da feira Hospitalar.

Sulwork © 2015 - 2018